Quinta-feira
15 de Novembro de 2018 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
36ºC
Min
21ºC
Pancadas de Chuva a

Sexta-feira - Rio de Janeir...

Máx
28ºC
Min
20ºC
Chuva

Sábado - Rio de Janeiro, R...

Máx
31ºC
Min
21ºC
Poss. de Panc. de Ch

Domingo - Rio de Janeiro, R...

Máx
33ºC
Min
20ºC
Pancadas de Chuva a

Controle de Processos

Inscrições abertas para o Mutirão de Conciliação na área de Família

Interessados devem se cadastrar até 10 de setembro.           O Tribunal de Justiça de São Paulo realizará Mutirão de Conciliação para casos pré-processuais da área de Família na Capital. O evento será entre 22 e 26 de outubro no Fórum João Mendes Júnior, mas os interessados têm até o dia 10 de setembro para fazer a inscrição.         Basta acessar o endereço https://esaj.tjsp.jus.br/sajcas/login e preencher o formulário. Ao menos uma das partes deve residir na cidade de São Paulo. Serão atendidos casos como pensão alimentícia, guarda de filhos menores, pórcio, reconhecimento e dissolução de união estável, e reconhecimento espontâneo de paternidade.         Após a inscrição, as partes receberão uma carta com a data e o horário da sessão. No dia marcado, os conciliadores auxiliarão os envolvidos a buscar uma solução para a demanda. Um juiz coordenador supervisionará todas as audiências do mutirão e será responsável por homologar os acordos. Uma vez homologado, ele passa a ter a mesma validade de uma decisão judicial. A conciliação é rápida, de graça e, diferentemente do processo, não abre possibilidade de recurso. Além disso, como as partes encontram uma solução juntas, raramente o acordo é descumprido.           Cejuscs         O mutirão será voltado apenas a casos de família da Capital, mas o Judiciário paulista conta com Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejuscs) instalados em persas comarcas do Estado, que atuam na tentativa de conciliação entre as partes também na área Cível, como demandas de cobrança e casos envolvendo Direito do Consumidor. Veja aqui os endereços dos Cejuscs.         Na área Cível, os consumidores também têm a sua disposição a plataforma Consumidor.gov, que permite a comunicação direta com as empresas participantes, que se comprometeram a receber, analisar e responder as reclamações de seus clientes em 10 dias. Trata-se de um serviço público para solução alternativa de conflitos via internet.                    imprensatj@tjsp.jus.br
10/08/2018 (00:00)
Visitas no site:  2150740
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia