Quarta-feira
21 de Agosto de 2019 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
23ºC
Min
19ºC
Chuvas Isoladas

Quinta-feira - Rio de Janei...

Máx
24ºC
Min
18ºC
Chuvas Isoladas

Sexta-feira - Rio de Janeir...

Máx
24ºC
Min
18ºC
Chuva a Tarde

Sábado - Rio de Janeiro, R...

Máx
24ºC
Min
18ºC
Chuvas Isoladas

Controle de Processos

OAB São Paulo obtém trancamento de ação penal contra advogado público no STJ

A Seção São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil obteve importante vitória no Superior Tribunal de Justiça (STJ) em favor de advogado acusado de causar suposto prejuízo ao erário municipal. Por meio do habeas corpus nº 479.571, impetrado pela Comissão de Direitos e Prerrogativas da entidade, representada por Leonardo Massud além de outros advogados, o STJ concedeu o trancamento da ação penal, reformando acórdão do Tribunal de Justiça de São Paulo. Na ação, o Ministério Público denunciou secretário de Assuntos Jurídicos de Município paulista de ter acolhido pareceres técnicos favoráveis para celebração de convênios entre a Prefeitura e o Instituto Cidad-CPqCFP, concordando, dessa forma, com os negócios celebrados. Em seu voto, o ministro-relator Joel Ilan Parciornik esclarece que a denúncia imputa prática criminal ao recorrente apenas por ter validado os pareceres da Assessoria Jurídica, ou seja, uma conduta lícita albergada pela imunidade profissional prevista no artigo 133 da Constituição Federal, por estar no exercício regular da advocacia.   “Foi uma vitória importante, num assunto que vem causando transtornos à classe, uma vez que o MP tem processado advogados que prestam serviços legítimos aos órgãos públicos tanto por improbidade quanto criminalmente, desconsiderando a imunidade profissional”, pontuou Leandro Sarcedo, presidente da Comissão de Prerrogativas da OAB SP.  
18/04/2019 (00:00)
Visitas no site:  3783957
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia