Segunda-feira
16 de Julho de 2018 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Previsão do tempo

Domingo - Rio de Janeiro, R...

Máx
24ºC
Min
20ºC
Chuva

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
21ºC
Min
17ºC
Chuvas Isoladas

Terça-feira - Rio de Janei...

Máx
24ºC
Min
16ºC
Nublado com Pancadas

Quarta-feira - Rio de Janei...

Máx
26ºC
Min
17ºC
Nublado com Possibil

Controle de Processos

Projeto busca padronizar e aperfeiçoar atendimento às mulheres vítimas de violência

Começou a tramitar, na Assembleia Legislativa de Goiás, projeto de lei da deputada Delegada Adriana Accorsi (PT) que institui, em Goiás, a Política de Atendimento à Mulher Vítima de Violência. O processo, protocolado sob o nº 1482/18, tem por objetivo assegurar o atendimento integral à mulher vítima de violência, principalmente no tange ao respeito à dignidade da pessoa humana, à não discriminação e à não revitimização. O texto também busca padronizar e aperfeiçoar os serviços especializados de atendimento a essas pessoas no âmbito da Saúde, da Rede Socioassistencial e da Justiça, por meio da humanização esses serviços e da garantia de seus funcionamentos em tempo integral, e de modo privado e sigiloso. Importante destacar que a matéria define como violência contra a mulher “qualquer ação ou omissão baseada no gênero, no âmbito público ou no privado, inclusive a decorrente de discriminação ou desigualdade étnica, que cause morte, dano ou sofrimento físico, sexual ou psicológico à mulher”. Estes crimes preocupam a parlamentar, uma vez que o estado de Goiás figura o segundo lugar do Brasil no número proporcional de feminicídios, de acordo com o Panorama da Violência Contra as Mulheres do Brasil, pesquisa pulgada em fevereiro pelo Senado Federal.
17/04/2018 (00:00)
Visitas no site:  1719288
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia