Segunda-feira
18 de Dezembro de 2017 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Controle de Processos

TST recebe manifestações de 25 desembargadores interessados em concorrer a vaga de ministro

O Tribunal Superior do Trabalho pulgou na última quarta-feira (6) a relação nominal de desembargadores do trabalho inscritos para concorrer a vaga de ministro da Corte, decorrente da aposentadoria do ministro João Oreste Dalazen, em novembro. A relação contém 25 nomes de magistrados oriundos de 16 Tribunais Regionais do Trabalho. No próximo dia 18, o Pleno do TST se reúne para votar a lista tríplice que será encaminhada à Presidência da República, a quem cabe a indicação do novo ministro. O indicado tem de ser submetido a sabatina na Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal e, se aprovado, seu nome será ainda submetido ao plenário daquela casa legislativa antes da nomeação. Concorrem à vaga os seguintes desembargadores: 1ª Região (RJ)Evandro Pereira Valadão LopesMarcos de Oliveira CavalcantePaulo Marcelo de Miranda Serrano 2ª Região (SP)Francisco Ferreira Jorge NetoSergio Pinto Martins 3ª Região (MG)Milton Vasques Thibau de Almeida Ricardo Antônio Mohallem 4ª Região (RS)Francisco Rossal de AraújoMarçal Henri dos Santos Figueiredo 5ª Região (BA)Washington Gutemberg Pires Ribeiro 6ª Região (PE)Sérgio Torres Teixeira 7ª Região (CE)Cláudio Soares PiresEmmanuel Teófilo Furtado 9ª Região (PR)Célio Horst WaldraffPaulo Ricardo Pozzolo 10ª Região (DF-TO)Alexandre Nery Rodrigues de Oliveira 11ª Região (AM)David Alves de Mello Júnior 12ª Região (SC)Alexandre Luiz Ramos 14ª Região (RO-AC)Vania Maria da Rocha Abensur 15ª Região (Campinas/SP)José Carlos ÁbileLuiz José Dezena da SilvaSamuel Hugo Lima 16ª Região (MA)James Magno Araújo Farias 17ª Região (ES)Marcello Maciel Mancilha 24ª Região (MS)Amaury Rodrigues Pinto Júnior.
07/12/2017 (00:00)
Visitas no site:  1188504
© 2017 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia