Quarta-feira
17 de Julho de 2019 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
24ºC
Min
16ºC
Chuvas Isoladas

Quinta-feira - Rio de Janei...

Máx
25ºC
Min
16ºC
Possibilidade de Chu

Sexta-feira - Rio de Janeir...

Máx
26ºC
Min
16ºC
Parcialmente Nublado

Sábado - Rio de Janeiro, R...

Máx
26ºC
Min
17ºC
Parcialmente Nublado

Controle de Processos

Comissão de Meio Ambiente discute criação de comitê para preservação do Rio Pindaré 19h15

O deputado Rafael Leitoa (PDT) coordenou, na manhã desta quarta-feira (19), na Sala das Comissões, uma reunião com professores e ambientalistas que pretendem criar um comitê para a preservação do Rio Pindaré. O encontro foi realizado a pedido de integrantes de uma organização não-governamental, o Movimento Arariba, que se manifestaram preocupados com o estado de crescente assoreamento e degradação do rio. Vice-presidente da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Assembleia Legislativa, o deputado Rafael Leitoa elogiou a iniciativa dos ambientalistas do Movimento Arariba e frisou que o ponto de partida deve ser o esforço para reunir representantes do poder público, empresariado e sociedade civil em torno desta discussão.   “Conseguimos realizar uma discussão preliminar, mas muito importante, para se poder avançar no processo de construção de mais uma instância voltada para a preservação de nossos rios”, afirmou Rafael Leitoa, assinalando a importância do debate sobre a bacia hidrográfica do Rio Pindaré e seu contexto na Política Estadual de Recursos Hídricos. O geógrafo Raimundo Nonato Moraes, membro da ONG Movimento Arariba e integrante da Comissão de Educação Ambiental do Maranhão, apresentou durante a reunião um diagnóstico realizado em agosto de 2017, enfocando o processo de degradação da bacia do Rio Pindaré. “Há mais de dois anos, realizamos um trabalho voltado para a pesquisa sobre este rio, a partir de suas nascentes, nos municípios de Montes Altos e Amarante, de modo que temos muita preocupação sobre o estado em que se encontra o Rio Pindaré, considerando a importância que ele tem para todo o nosso Estado”, afirmou Nonato Moraes.  Ele elogiou o trabalho realizado pela Assembleia Legislativa, em favor da defesa dos recursos hídricos, desde a época do projeto “Itapecuru Águas Perenes”, idealizado pelo ex-deputado João Evangelista. “Agora sabemos da sensibilidade e do empenho do deputado Rafael Leitoa em dar prosseguimento a este trabalho em defesa de nossos recursos naturais”, acrescentou o ambientalista  José Chagas Sousa, o Chaguinha, membro da Comissão do Rio Preguiça e integrante do Comitê da Bacia do Rio Parnaíba. Também participaram da reunião o ambientalista Ivo Gonçalves e os biólogos Ricardo Barbieri e Helen Nebias Barreto, professores da Universidade Federal do Maranhão. Eles sugeriram rapidez na mobilização para a criação do pré-comitê da bacia do Rio Pindaré e audiências públicas em São Luís e municípios do interior do Estado, entre os quais Santa Inês, Montes Altos e Buriticupu. Ao final da reunião, o deputado Rafael Leitoa disse que, logo após o recesso parlamentar do mês de julho, poderão ser iniciadas as audiências públicas.   
19/06/2019 (00:00)
Visitas no site:  3426958
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia