Domingo
22 de Setembro de 2019 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
24ºC
Min
19ºC
Chuvas Isoladas

Segunda-feira - Rio de Jane...

Máx
23ºC
Min
18ºC
Nublado com Possibil

Terça-feira - Rio de Janei...

Máx
26ºC
Min
16ºC
Nublado com Possibil

Quarta-feira - Rio de Janei...

Máx
25ºC
Min
17ºC
Pancadas de Chuva

Controle de Processos

23/08/2019 - 18h06Programa Justiça na Escola rende frutosA iniciativa é voltada para pais e filhos e fez índices de indisciplina despencarem

Cerca de 1 mil pessoas ser reuniram no ginásio poliesportido da cidade para tratar de temas afetos aos estudantes da rede pública O juiz da Vara Criminal da Infância e Juventude da comarca de Patrocínio, Serlon Silva Santos, acompanhado da Coordenadora do Núcleo de Atendimento às Escolas, Tamara Couto Duarte, e da equipe do Projeto Renascença, fizeram palestra em Iraí de Minas com o tema “Responsabilidade dos Pais - Redes Sociais e Automutilação”, para pais e alunos. Em razão da relevância do tema, cerca de 1 mil pessoas lotaram o ginásio Poliesportivo Pedrão, naquela cidade. A iniciativa tra faz parte do programa Justiça na Escola, que tem como objetivo discutir as questões escolares como, por exemplo uso de drogas, engajamentos dos pais, automutilação, questões disciplinares. O magistrado Serlon Santos ressalta os bons resultados do programa: “Os índices de indisciplina despencaram  e os pais se engajaram muito mais nessas questões, o que devolveu aos professores a autoridade dentro de sala de aula”. O juiz Serlon Silva Santos é um entusiasta do programa que tem conseguido reduzir o índice de indisciplina nas escolas públicas Devido ao sucesso do programa, várias comarcas estão aderindo ao projeto. Nesta sexta-feira, 23 de agosto, o magistrado falou para mais 600 alunos, desta vez, em Guimarânia.
23/08/2019 (00:00)
Visitas no site:  4159487
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia