Sexta-feira
18 de Outubro de 2019 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
33ºC
Min
23ºC
Pancadas de Chuva a

Sábado - Rio de Janeiro, R...

Máx
28ºC
Min
24ºC
Nublado com Pancadas

Domingo - Rio de Janeiro, R...

Máx
25ºC
Min
21ºC
Chuva

Segunda-feira - Rio de Jane...

Máx
23ºC
Min
19ºC
Pancadas de Chuva a

Controle de Processos

Alberto Feitosa sugere criação de comitê estadual sobre energia nuclear

Portaria do Governo Federal que cria comitê para reestruturar a Comissão Nacional de Energia Nuclear e que institui uma autoridade em segurança nuclear foi tema do pronunciamento do deputado Alberto Feitosa (SD). Na Reunião Plenária desta terça (8), o parlamentar, que defende o projeto de implantação de uma usina nuclear no município de Itacuruba (Sertão de Itaparica), fez uma indicação ao Governo do Estado solicitando que se implementem estruturas semelhantes em Pernambuco. “Já que estamos tratando desse tema em vários debates na Casa, defendo que o Poder Executivo crie comitê semelhante no Estado. Sugiro que a estrutura conte com representantes das secretarias de Meio Ambiente, de Desenvolvimento Econômico, de Infraestrutura e, principalmente, da pasta de Educação”, sustentou Feitosa. Na avaliação dele, é importante que o Estado trabalhe para capacitar a população sertaneja a fim de que ela seja absorvida pelo empreendimento, caso este se concretize. “Se o projeto for aprovado, é fundamental que Pernambuco tenha um plano de formação e qualificação profissional da população. É importante que os pernambucanos, especialmente os sertanejos, sejam capacitados para executar não só as funções mais simples, mas também as atividades técnicas e de engenharia”, pontuou. Segundo o parlamentar, a proposta de implantação da usina nuclear no Estado, tema de audiência pública realizada ontem, voltará a ser debatida pela Casa.
08/10/2019 (00:00)
Visitas no site:  4484662
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia