Domingo
11 de Abril de 2021 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
30ºC
Min
22ºC
Predomínio de

Segunda-feira - Rio de Jane...

Máx
31ºC
Min
24ºC
Chuva a Tarde

Terça-feira - Rio de Janei...

Máx
25ºC
Min
24ºC
Chuva

Quarta-feira - Rio de Janei...

Máx
26ºC
Min
23ºC
Nublado

Controle de Processos

Com início nesta quarta (24), Mutirão Previdenciário telepresencial cumpre 94 audiências na comarca de Goiás

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), desembargador Carlos Alberto França, participou na manhã desta quarta-feira (24) da solenidade de abertura do Mutirão Previdenciário telepresencial do Programa Acelerar, na comarca de Goiás. A iniciativa, inédita, e que apresenta a antiga capital do Estado como ponto de partida para alavancar a ação em outras unidades judiciais, é do juiz auxiliar da Presidência do TJGO, Reinaldo de Oliveira Dutra, e tem o apoio do coordenador do Programa Acelerar Previdenciário, juiz Joviano Carneiro Neto, da titular da 2ª Vara da comarca de Goiás, juíza Francielly Faria Morais, e dos magistrados Paulo Roberto Paludo, Everton Pereira Santos e Eduardo Peruffo e Silva. Para esta primeira etapa do projeto estão agendadas 94 audiências nos dois dias de realização (24 e 25).  Durante a abertura do evento virtual, que foi apresentado por meio da plataforma Zoom, o presidente do TJGO agradeceu o empenho de magistrados, servidores e advogados para a realização do programa de audiências concentradas telepresenciais. “O Poder Judiciário goiano se reinventa, ao elaborar programas e ações, com a utilização de recursos tecnológicos, possibilitando a interação à distância, e assegurando a celeridade na prestação jurisdicional, sem colocar a saúde da comunidade em risco”, ressaltou o desembargador Carlos Alberto França. O juiz auxiliar da Presidência, Reinaldo de Oliveira Dutra, idealizador do projeto piloto de audiências remotas concentradas, agradeceu a confiança do chefe do Poder Judiciário do Estado de Goiás, desembargador Carlos Alberto França, e o engajamento dos magistrados e servidores envolvidos na realização do projeto. “Sem o trabalho em equipe não seria possível a realização deste mutirão, que tem o objetivo de levar justiça rápida para aqueles que estão em busca de seus benefícios previdenciários”, declarou o magistrado. O coordenador do Programa Acelerar Previdenciário, juiz Joviano Carneiro Neto, parabenizou o trabalho do juiz auxiliar da Presidência, Reinaldo de Oliveira Dutra, e falou de sua satisfação em coordenar o projeto, que “certamente será replicado em outras comarcas, concretizando resultados prolíficos, tanto para o Poder Judiciário goiano quanto para a sociedade goiana”. Ações previdenciárias As ações de natureza previdenciária abrangem o pagamento de benefícios, como aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-reclusão, salário-maternidade, entre outros previamente previstos na Lei 8.213/91. Para a titular da 2ª Vara da comarca de Goiás, juíza Francielly Faria Morais, a sensibilidade do presidente do TJGO, desembargador Carlos França, e o empenho de magistrados, servidores e advogados que atuam na região, foram fundamentais para a realização do mutirão. “Ações previdenciárias buscam assegurar os meios legais para a manutenção do custo de vida dos beneficiados, geralmente pessoas necessitadas, e que dependem há tempos da garantia de seus direitos para a própria subsistência”. A magistrada também fez um agradecimento especial aos servidores Adilson Canedo, Ariston Jorge e Luciana Gonçalves Toledo, que, segundo ela, “não mediram esforços para que o evento pudesse acontecer da forma mais adequada possível”. Reconhecimento dos patronos O presidente da subsecção da cidade de Goiás da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-GO), Reginaldo Adorno Filho, elogiou o Poder Judiciário goiano pela iniciativa da realização de mutirões telepresenciais, que proporcionam agilidade dos processos previdenciários e possibilita a prestação jurisdicional mais rápida. “É uma honra fazer parte de um projeto brilhante, que demonstra não apenas o olhar cauteloso do TJGO para as causas previdenciárias, como também a perfeita adequação dos procedimentos, em consonância com as circunstâncias de saúde atuais”. Também estiveram presentes no Mutirão Previdenciário telepresencial do Programa Acelerar, os juízes auxiliares da Presidência, Aldo Guilherme Saad Sabino de Freitas e Jussara Cristina de Oliveira Lousa; o titular do Juizado Especial Cível e Criminal da comarca de Caldas Novas, Daniel Maciel Martins Fernandes; e o representante do Sindicato dos Servidores e Serventuários da Justiça do Estado de Goiás (Sindjustiça), Marcus Vinícius. (Texto: Carolina Dayrell / Fotos: Acaray Martins - Centro de Comunicação Social do TJGO)
24/02/2021 (00:00)
Visitas no site:  10678925
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia