Segunda-feira
03 de Agosto de 2020 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
29ºC
Min
14ºC
Parcialmente Nublado

Terça-feira - Rio de Janei...

Máx
30ºC
Min
14ºC
Parcialmente Nublado

Quarta-feira - Rio de Janei...

Máx
31ºC
Min
15ºC
Predomínio de

Quinta-feira - Rio de Janei...

Máx
32ºC
Min
16ºC
Predomínio de

Controle de Processos

INSTITUCIONAL: Primeiro teste de automação de processo de trabalho é realizado com sucesso no TRF1

Nessa quarta-feira, dia 12, magistrados e servidores do Tribunal assistiram a um teste de automação de processo de trabalho no Plenarinho do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), em Brasília. A empresa Sonda (de soluções em tecnologia) realizou uma Prova de Conceito (PoC) que automatizou um processo de trabalho – identificado anteriormente como de risco. O teste exibiu o trabalho de publicação de parte de um relatório determinado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), tarefa realizada pela Secretaria de Planejamento Orçamentário e Financeiro (Secor), que demanda atividades repetitivas com inclusão de dados das seccionais mensalmente. A automação proporcionou que todo o processo fosse concluído em somente 12 minutos – prazo muito inferior aos 18 dias que normalmente leva quando a atividade é realizada apenas por servidores. Segundo o diretor da Secor, Adelson Vieira Torres, “este é o primeiro projeto de automatização dos processos de trabalho da área administrativa que se mostrou totalmente possível”. Ainda de acordo com Adelson, o próximo passo a partir dessa apresentação será o de análise e avaliação da alta Administração do Tribunal para verificar a possibilidade de implementação da nova ferramenta. O executivo da Sonda, Evaldo Del Valle, em sua apresentação, explicou que em um cenário de contenção de despesas a automação ajuda a reduzir custos, acelerar e facilitar o cumprimento das atividades, fazendo com que o servidor possa se concentrar em tarefas de maior valor agregado. Ele ponderou, porém, que há necessidade da participação humana mesmo quando as ações são realizadas por meio de robôs, visto que “a presença humana é fundamental no processo decisório dentro de um tribunal”. Para o supervisor da Seção de Análise e Melhoria de Processos de Trabalho (Seamp), José Ferreti, “a implementação de processos automatizados de trabalho implica uma grande mudança cultural entre servidores e jurisdicionados, já que a robotização pode ser aplicada, também, a rotinas de trabalho judiciais com a integração ao Processo Judicial eletrônico (PJe)”. Estiveram na apresentação os juízes federais Denise Dias Dutra Drumond (em auxílio à Presidência), Rafael Leite Paulo e Maria Cândida Carvalho Monteiro de Almeida (em auxílio à Coger), e Kátia Balbino (representante da SJDF). Assessoria de Comunicação Social Tribunal Regional Federal da 1ª Região  
13/02/2020 (00:00)
Visitas no site:  7843002
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia