Quinta-feira
25 de Fevereiro de 2021 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Controle de Processos

INSTITUCIONAL: Secin orienta sobre mudanças no armazenamento das gravações pelo Teams

Desde a última segunda-feira, 25 de janeiro, as gravações no Teams passaram a ser redirecionadas para o Onedrive do usuário que iniciou a gravação ou para o Sharepoint, caso a gravação tenha sido iniciada/agendada por dentro da equipe. O agendamento e gerenciamento das gravações continuam sendo realizados da mesma maneira. A mudança se refere somente ao local de armazenamento dos arquivos gravados. A Secretaria de Tecnologia da Informação (Secin) explica que os usuários devem fazer o download das gravações realizadas pelo Teams, principalmente as audiências e sessões de julgamento, pois estão sendo excluídas automaticamente após 21 dias de sua gravação. A medida foi adotada desde o dia 3 de dezembro de 2020 devido ao esgotamento de espaço de armazenamento na nuvem contratada. As gravações ocorridas antes dessa data permanecem inalteradas. Outra observação da Secin é que as gravações que necessitem ser armazenadas no sistema PJe, como audiências, devem ser baixadas, reduzidas em seu tamanho, fragmentadas (se necessário), incluídas no PJe e excluídas do repositório na nuvem para otimizar o espaço e manter a conformidade com os normativos de uso do PJe. O procedimento detalhado das gravações pode ser consultado na base de conhecimento do eSosTI ou neste link. Em caso de dúvidas, acesse o canal do Teams de Atendimento aos Usuários, abra um eSosTI ou entre em contato com a Divisão de Atendimento aos Usuários (Diatu) pelo telefone (61) 3314-1620. CB. Assessoria de Comunicação Social Tribunal Regional Federal da 1ª Região
27/01/2021 (00:00)
Visitas no site:  10250944
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia