Quinta-feira
25 de Fevereiro de 2021 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Controle de Processos

Órgão Especial: desembargador Walter Carlos Lemes preside última sessão e apresenta relatório final da gestão

Um momento de despedida e também de prestação de contas. Esse foi o tom que o presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), desembargador Walter Carlos Lemes, deu ao início da última sessão do Órgão Especial sob à sua gestão, realizada por videoconferência nesta quarta-feira (27) e transmitida ao vivo pelo Youtube.  Citando nominalmente um a um dos 41 desembargadores, o chefe do Poder Judiciário goiano disse que gostaria de compartilhar com os colegas o sucesso da sua gestão, “pois todos ajudaram a fazer esse trabalho”. E, acrescentou: “sou grato a cada um e gostaria de abraçá-los pessoalmente, mas Deus quis que esse momento fosse assim”.Em seu agradecimento, que primeiramente foi feito a Deus, Walter Carlos Lemes ressaltou os desembargadores que estiveram ao seu lado nesse biênio – o vice-presidente Nicomedes Domingos Borges, o corregedor-geral da Justiça, desembargador Kisleu Dias Maciel Filho, e o ouvidor do Poder Judiciário, desembargador Carlos França – próximo presidente do TJGO. O reconhecimento também foi estendido à sua equipe – os juízes auxiliares da Presidência Cláudio Henrique Araújo de Castro, Fabiano Abel de Aragão Fernandes e Sirlei Martins da Costa; secretária-geral Eliene Maria Ramos; diretor-geral Rodrigo Leandro da Silva e diretores de área; aos magistrados e servidores.O presidente do TJGO apresentou o relatório final da gestão biênio 2019/2021, produzido em formato de revista e com ênfase nas ações e projetos elaborados e implantados para cumprimento das metas instituídas pelo plano de gestão. Os desembargadores receberam, nesta semana, um exemplar impresso do relatório e o vídeo “Um biênio em minutos”, com as principais realizações, foi exibido durante a sessão.Walter Carlos Lemes destacou alguns avanços, especialmente os que foram escolhidos como prioritários da sua gestão. “Tivemos um início complicado, tenso com uma preocupação referente ao pagamento integral dos nossos salários. E, com muito diálogo, conseguimos a harmonia entre os Poderes (Judiciário, Executivo e Legislativo) e a informatização do Tribunal, metas que citei no meu discurso de posse como prioridades”, declarou o desembargador-presidente, acrescentando o bom relacionamento e parcerias que manteve com todas as instituições do sistema de Justiça, tribunais de contas, a Associação dos Magistrados e sindicatos dos servidores e oficiais.A primeira grande reforma do Bloco B do edifício-sede, obra que será inaugurada nesta quinta-feira (28), também foi outro destaque citado pelo presidente, que comentou com os colegas desembargadores as novidades do novo complexo do TJGO, com a revitalização do projeto paisagístico, a nova entrada da Rua 10 com acessibilidade e, ainda, a interligação dos dois prédios pelas garagens do subsolo. Acesse a versão web do Relatório de Gestão – biênio 2019/2021. Despedida Quem também aproveitou a sessão para agradecer foi o corregedor-geral da Justiça do Estado de Goiás, desembargador Kisleu Dias Maciel Filho, que encerra sua gestão à frente da Corregedoria. “Agradeço a todos os colegas pela oportunidade única que me proporcionaram. Foi um intenso trabalho, numa época difícil, uma experiência única, de muito aprendizado. Sou muito grato à minha equipe, aos magistrados e servidores, que trataram a Corregedoria de forma muito especial, e, ainda, à sintonia com a Presidência. Reconhecimento O desembargador Carlos França, que tomará posse como presidente do TJGO na próxima segunda-feira (1º) parabenizou o presidente Walter Carlos pelo trabalho e afirmou que assumirá o Poder Judiciário goiano colhendo “inúmeros resultados positivos da sua gestão”. França lembrou que, em razão do momento crítico da pandemia do coronavírus, a posse será virtual, com transmissão pelo Youtube e pela TV Brasil Central, “para garantir a segurança de todos e também para que o Judiciário dê o exemplo no cuidado com a saúde, obedecendo às normas vigentes e à ciência”.Outra despedida foi a da subprocuradora-geral de Justiça para Assuntos Jurídicos, Ana Cristina Ribeiro Peternella França, representante do Ministério Público no Órgão Especial, que deixará o cargo. “Quero externar as minhas homenagens pessoais e como representante do MP, pelo trabalho que Vossa Excelência tão bem desempenhou como chefe do Poder Judiciário de Goiás. Foi uma gestão de muitos êxitos, avanços, em um momento histórico de gigantescos desafios. E Vossa Excelência soube conduzir tão bem o Tribunal de Justiça”, manifestou Ana Cristina ao presidente. Participando da sessão para uma sustentação oral, o advogado Dyogo Crossara externou as homenagens aos atuais dirigentes do TJGO, ressaltando “o relacionamento profícuo e respeito com os magistrados, advogados, uma gestão pacífica e um trabalho que orgulha o Judiciário goiano e a advocacia”. (Texto: Daniela Becker - Centro de Comunicação Social do TJGO).
27/01/2021 (00:00)
Visitas no site:  10251491
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia