Sexta-feira
18 de Outubro de 2019 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
33ºC
Min
23ºC
Pancadas de Chuva a

Sábado - Rio de Janeiro, R...

Máx
28ºC
Min
24ºC
Nublado com Pancadas

Domingo - Rio de Janeiro, R...

Máx
25ºC
Min
21ºC
Chuva

Segunda-feira - Rio de Jane...

Máx
23ºC
Min
19ºC
Pancadas de Chuva a

Controle de Processos

Professora da UFG analisa Goiás na perspectiva do desenvolvimento regional no seminário dos 30 anos da Constituição

Dentro da programação do seminário “30 anos da Constituição Estadual de Goiás de 1989 – contribuições ao desenvolvimento”, a professora da Universidade Federal de Goiás (UFG), Flávia Rezende, ministrou a palestra “Goiás na perspectiva do desenvolvimento regional”. A pesquisadora apresentou índices econômicos mostrando que até o início do século 20, a economia regional era desconectada do mercado externo. Na época, o desafio era minimizar esse desequilíbrio, o que só aconteceu no início do próximo século quando a região Centro-Oeste se integrou economicamente à região Sudoeste. “Se compararmos a economia em nível nacional entre 2010 e 2016, o crescimento da economia goiana foi bem acima da média nacional. Enquanto no país a economia cresceu 2,3%, em Goiás esse índice foi de 7,2%", avaliou. A professora destacou como fatores que levaram Goiás a registrar esse grande crescimento a localização, as matérias-primas, os incentivos fiscais, o FCO e o fortalecimento do comércio exterior. “São indicadores fiscais e financeiros que deixaram Goiás na pauta nacional de investimentos”. Por fim, Flávia concluiu que o principal desafio da atualidade é de como retomar esse crescimento. “Existem perspectivas que são viáveis para reduzir as desigualdades e distribuir melhor os recursos. Esse são nossos desafios. Como ofertar políticas que nos permitam alcançar esses objetivos? Como desenvolver o nosso Estado? Dentro da universidade nós trabalhamos com grupos de pesquisa para termos estudos capazes de subsidiar a elaboração dessas políticas”.
09/10/2019 (00:00)
Visitas no site:  4485016
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia