Quinta-feira
09 de Julho de 2020 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Controle de Processos

SIGAJUS é apresentado aos servidores da sede do TJRN

Os servidores da sede do TJRN tiveram, nessa segunda-feira (13), mais uma oportunidade de entender o novo Sistema de Gestão Administrativa do Poder Judiciário, o SIGAJUS, que reunirá as principais ferramentas de organização e fluxo processual relacionadas à organização interna do Tribunal de Justiça. A plataforma entrará em funcionamento pleno a partir do dia 16 deste mês, o que tornará obsoleto os sistemas Hermes (malote digital local), Processo Administrativo Virtual (PAV) e Protocolo JUS (P-Jus). O SIGAJUS surge, assim, como uma maneira de agrupar os sistemas de gestão em um só canal, criando, com base em recomendações do Conselho Nacional de Justiça, um modelo de Protocolo Único para o Poder Judiciário Potiguar. O secretário de Tecnologia da Informação do TJRN, Gerânio Gomes, explica que a melhora na tramitação administrativa também traz resultados na qualidade da prestação jurisdicional. “Apesar de ser um sistema de uso interno, o SIGAJUS traz impacto para o público de fora também. Quando os processos tramitam de forma mais célere, mesmo que administrativos, envolvendo compra de materiais de informática, por exemplo, as varas também oferecem uma prestação jurisdicional mais eficiente”, destaca Gerânio. Treinamento O secretário ainda explicou que o treinamento para o uso do novo sistema tem sido, majoritariamente, realizado por meio virtual através da distribuição de vídeos tutoriais que ensinam sobre o funcionamento do sistema. Essa iniciativa é decorrente da política de contenção de gastos adotada pelo TJRN, no entanto, o modelo também facilita o alcance das instruções para os servidores lotados em comarcas do interior do estado. Thiago Henrique, servidor da Secretaria de Tecnologia e Informação, responsável pela apresentação do SIGAJUS, explica que o sistema já foi testado e alguns dos seus módulos estavam disponíveis para o uso em 2019. “Desde o ano passado, o módulo de Almoxarifado já funciona e estamos avançando, agora temo o de Protocolo, depois vem Compras, Licitações Contratos e Orçamentos. Teremos uma solução integrada para o sistema produtivo”. Letícia Leite, servidora e chefe de seção na Secretaria de Comunicação Social do TJRN, lida diariamente com processos administrativos referentes a contratos de empresas prestadoras de serviços: “O SIGAJUS facilitará muito nosso dia-a-dia, na medida em que vai trazer a integração aos principais sistemas usados na administração do Tribunal, ter tudo em um só lugar facilitará muito nosso trabalho”. O sistema é composto por persos módulos, os principais são Almoxarifado, Auditoria e Controle Interno, Catálogo de Materiais, Compras/Licitações, Contratos, Projetos/Convênios, Faturas, Infraestrutura, Liquidação de Despesas, Orçamento, Patrimônio Móvel, Patrimônio Imóvel, Protocolo, Restaurante, Sistema de Registros de Preços (SRP) e Transporte.    
14/01/2020 (00:00)
Visitas no site:  7577474
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia